GuardeAqui

Armazenagem x Estocagem

Há muitos anos, a ocupação física era focada mais na área do que na altura e o local de armazenamento nem sempre era o mais adequado.Com o passar dos anos, tornou-se um conceito tornou-se antieconômico, fazendo com que a mentalidade das empresas mudasse. A racionalização da altura ocupada foi a solução para reduzir espaço e guardar maior quantidade de material/produtos.

Apesar de serem frequentemente utilizados para denominar coisas semelhantes, os termos “armazenagem” e estocagem, são definidos por muitos estudiosos como conceitos distintos, sendo armazenagem para a guarda de produtos acabados e estocagem para a guarda de matérias-primas.

A armazenagem é uma das principais funções do sistema logístico, na área de suprimentos. Já no processo de produção são gerados estoques de produtos, e no processo de distribuição, a necessidade de armazenagem dos produtos acabados, torna-se mais complexa em termos logísticos, pois exige velocidade na operação e flexibilidade para atender ao mercado.

Durante o processo logístico, surgem fluxos de mercadorias entre diversos postos da rede logística, e por isso há a necessidade de se manter produtos estocados por certo período.

Ao necessitar de armazenagem, também chega a hora da formação de inventários e seus respectivos custos, afinal, será necessário uma parte do capital de giro, para a implantação e manutenção deste sistema.

Armazenagem e estocagem, portanto, são conceitos semelhantes mas com significados distintos na logística.

Armazenagem: é a denominação genérica e ampla que inclui todas atividades de um ponto destinado à guarda temporária e à distribuição de materiais (depósitos de armazenagem, almoxarifado, centros de distribuição, etc.).

Estocagem: é uma das atividades do fluxo de materiais no armazém e o ponto destinado à locação estática dos materiais, sendo que em um armazém pode haver diversos pontos de estocagem.

As funções do sistema de armazenagem são: recebimento, identificação, conferência, endereçamento para o estoque, estocagem, remoção do estoque (separação de pedidos), acumulação de itens, embalagem, expedição e registro das operações.

    O processo de armazenagem tem como objetivo maximizar:

  • A utilização da mão-de-obra;
  • A utilização dos equipamentos;
  • A utilização do espaço;
  • A utilização da energia;
  • O giro de estoques;
  • O acesso a todas mercadorias;
  • A proteção de todos os itens;
  • O controle das perdas e avarias;
  • O serviço aos consumidores;
  • A produtividade.

Além de maximizar todos estes itens, tem como objetivo minimizar os custos.

É função dos varejistas o fornecimento de variedade de produtos e serviços, dividir lotes grandes em pequenos, manter estoque, e fornecer serviços, justamente por esses serem valores apreciados e requisitados pelos clientes.

Sendo assim, podemos ver a importância da armazenagem na logística e o quanto os armazéns, sejam próprios ou self storage, são fundamentais em qualquer processo logístico.

Voltar ao Blog