Cosméticos Self Storage

O crescimento contínuo da indústria de cosméticos no Brasil está diretamente ligado aos hábitos de culto à beleza, à juventude e, claro, à saúde. Homens e mulheres investem, cada vez mais, em produtos para limpar, suavizar, hidratar e disfarçar pequenas imperfeições da pele.

A forte demanda do lado consumidor e a presença de gigantes como Natura,  Avon e Mary Kay movimentaram, em 2015, R$ 41,3 bilhões de receita de vendas por meio de catálogos nas mãos de um exército de cerca de 4,5 milhões de consultores, segundo dados da Associação Brasileira de Empresas de Vendas Diretas (ABEVD).

Mais do que presentear e usar os produtos para cuidar da beleza, muitas pessoas têm ingressado na venda direta em busca, além de uma renda extra, de uma real oportunidade de carreira e com flexibilidade de horários. Outra vantagem para quem quer ingressar neste negócio é o baixo investimento e, principalmente, o fato de que não é necessário ter experiência anterior. Cada empresa tem um modelo de treinamento próprio, que pode ocorrer em reuniões com as lideranças de cada região, por exemplo, ou mesmo online.

Existem algumas formas do revendedor se relacionar com o consumidor final: “door to door” ou porta a porta, na qual vai até a residência ou local de trabalho do cliente e, com folhetos e demonstração de itens mais procurados, receber encomendas. A opção é deixar o catálogo com o interessado e recolher com as marcações do que tem interesse dias depois. Ainda pode fazer reuniões com pequenos grupos para demonstrar as novidades daquela empresa e a melhor forma de usá-las.

Quanto à forma de remuneração, há as práticas “mononível” e “multinível”, segundo a ABEVD. Na primeira, a margem de lucro vem do produto revendido, podendo chegar até 30% de seu valor. Já na multinível, o revendedor exerce a função de prestador de serviços e recebe uma bonificação da empresa sem que haja, entretanto, qualquer relação ou vínculo empregatício (o que também ocorre na prática mononível).

Esse tipo de revendedor normalmente tem que lidar com um gama extensa de produtos e estoques e, para isso, o GuardeAqui aluga espaços para armazenagem com um preço justo e com tamanhos diferenciados para atender vários perfis. Além disso, as unidades do GuardeAqui contam com salas de reunião para os revendedores promoverem encontros com clientes, além de sistema de WI-FI gratuito para uso de internet.

No self storage, apenas o empreendedor e as pessoas que forem autorizadas pelo cliente têm acesso ao box locado, podendo organizar todos os itens em ambiente arejado, limpo, claro, seguro e, o melhor, sem os custos de condomínio, IPTU, água e luz.

O GuardeAqui é, sem dúvida, uma solução eficiente e de baixo custo para quem deseja trabalhar com vendas diretas. Saiba mais em www.guardeaqui.com

Voltar ao Blog