Petshop Selfstorage

O mercado de produtos e serviços voltados ao segmento de animais domésticos é um dos que mais cresce no Brasil. Dados da Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet). http://abinpet.org.br/site/ -, indicam que, no ano passado, esse segmento faturou R$ 19 bilhões, ou cerca de 5,7% acima de 2015. Sinal dessa evolução é que hoje, ao contrário de tempos atrás, num giro rápido pelas grandes cidades é fácil identificar padarias, hotéis e creches exclusivas aos pets.

Ainda de acordo com a Abinpet, o Brasil é um dos principais países do mercado pet mundial. O país ocupa o terceiro lugar de participação no faturamento total, que somava US$ 102,2 bilhões até setembro de 2016, representando 5,3% do total. Fica atrás apenas de Estados Unidos(que detém 42%do total) e Reino Unido (com 6,7%). Segundo o último senso do IBGE http://www.ibge.gov.br/home/, em 2013, estima-se que,no Brasil,haja mais de 132 milhões de animais de estimação, dentre os quais cachorros (52 milhões), aves (38 milhões), gatos (22 milhões) e peixes (18 milhões) entre outros menos comuns.

A Abinpet organiza as empresas do setor em 4 grandes áreas: pet food, pet serv, pet vet e pet care. O primeiro é o segmento de alimentação e que inclui rações em geral e é, também, o principal responsável pelo faturamento do setor, com uma fatia de 67,6%. O pet serv inclui serviços de adestramento, comércios, hotéis e até creches exclusivasaos animaizinhos e é responsável por 16,2% do faturamento. Pet vete pet care representam 8,1% cada. O primeiro é composto por medicamentos veterinários e o segundo é focado em produtos gerais de cuidados para os animais, como equipamentos, acessórios, higiene e beleza.

O empreendedor que deseja entrar nessa área conta com uma grande variedade de opções. Dentro dos 4 segmentos entram também as franquias, que acompanham as margens de crescimento do setor, especialmente nas grandes cidades. Vale lembrar sempre da necessidade de atender as normas que regulam o setor. Uma delas, por exemplo, implica que todo estabelecimento comercial que ofereça serviços ou produtos relacionados à medicina veterinária deve, obrigatoriamente, possuir registro no Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado ao qual pertença, bem como manter a presença de um responsável técnico veterinário.

Alguns cuidadores e outros prestadores precisam de espaço físico adequado para estoques e para isso, o GuardeAqui pode ajudar. A empresa aluga espaços para armazenagem com um preço justo e tamanhos diferenciados para atender diferentes demandas e perfis. Além disso, as unidades do GuardeAqui contam com salas de reunião com Wi-Fi gratuito, nas quais os empreendedores podem organizar encontros com fornecedores e/ou clientes.

No self storage, apenas o empreendedor e as pessoas que forem autorizadas por ele têm acesso ao box locado, podendo organizar todos os itens em ambiente arejado, limpo, claro, seguro e, o melhor, sem os custos de condomínio, IPTU, água e luz.

O GuardeAqui é, sem dúvida, uma solução eficiente e de baixo custo para quem deseja ingressar no mercado pet e procura espaço para seu estoque e documentos correlatos ao novo negócio. Saiba mais em www.guardeaqui.com

Voltar ao Blog